Seguro de viagem: como ele pode te auxiliar em eventuais problemas de saúde no exterior?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

seguro de viagem

Quando planejamos uma viagem, são muitos pontos que devem ser levados em consideração. Desde a passagem e a hospedagem, até os passeios importantes e os diferentes temperos das comidas locais. Mas a verdade é que durante esses dias alguns imprevistos podem acontecer, como problemas de saúde, por exemplo. E, como dissemos, não dá para prever esse tipo de coisa.

Por isso, é fundamental que você tenha um seguro de viagem contratado antes mesmo de sair do Brasil. Eles podem te auxiliar em diversas situações, como doenças comuns, e são exatamente elas que listamos neste post. Continue lendo até o final e veja como você pode se preparar.

Pessoas com doenças crônicas não podem sair do país sem um seguro de viagem

Antes de entrarmos em todos os imprevistos que podem acontecer durante a viagem, vamos nos atentar a um grupo específico de pessoas: aquelas com doenças crônicas. Diabéticos, hipertensos ou quaisquer outros grupos que precisem de atenção médica não podem deixar o país sem esse tipo de segurança. Isso porque podem ser necessários medicamentos ou atendimentos médicos durante a viagem. E o valor desses serviços em território internacional ultrapassam todos os praticados por hospitais particulares no Brasil.

Mulheres grávidas e idosos também precisam de atenção

Pra mulheres grávidas e idosos o raciocínio é bastante parecido. É claro que não desejamos que aconteça alguma coisa, mas esses são casos em que não dá para deixar espaço para dúvidas. Mesmo que surjam sintomas simples que pareçam com uma simples gripe, essas são pessoas que precisam ser atendidas imediatamente. E é para isso que o seguro de viagem existe.

seguro de viagem

Acidentes de trânsito ou durante a prática de esportes radicais

Novamente, não queremos sofrer nenhum tipo de acidente durante uma viagem. Mas eles acontecem em frações de segundos e quando percebemos, o atendimento emergencial se torna necessário. Tanto no trânsito quanto na prática de esportes radicais, as chances de internação são grandes. Por isso, os documentos do seguro de viagem devem estar sempre à mão. Eles garantem o seu atendimento e também podem indicar o hospital mais próximo que está contemplado na cobertura do plano.

Contaminações ou intoxicações alimentares precisam ser tratados

É muito comum que estrangeiros sofram contaminações ou intoxicações alimentares durante as viagens internacionais. Isso pode acontecer porque nosso sistema imunológico não está preparado para combater agentes infecciosos daquele lugar específico. Nesses casos, é muito importante procurar atendimento médico o mais rápido possível. Isso porque o excesso de vômito ou uma diarréia forte podem provocar desidratação severa. Em situações como essas, o seguro de viagem não só indica o hospital mais próximo, como também pode enviar um médico até o local que você se encontra, dependendo do serviço contratado por você.

O seguro de viagem é daquelas despesas que temos antes das férias e que desejamos nunca ter que acionar. Mas caso seja necessário, é importante que tenhamos o atendimento médico de prontidão sem termos que nos preocupar com as despesas. O mais importante é focar na sua recuperação e ter a certeza de que não voltará para o Brasil com dívidas maiores que a despesa de viagem em si.

Você está planejando uma viagem? Já colocou o seguro entre as despesas obrigatórias? Conte nos comentários quais são os pontos mais importantes do seu planejamento.

 

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×